Auxílio emergencial: influenciadores têm direito?